O Chamado de Deus.

images (3)

Moisés apascentava o rebanho de Jetro, seu sogro, sacerdote de Madiã. Um dia em que conduzira o rebanho para além do deserto, chegou até a montanha de Deus, Horeb.  O anjo do Senhor apareceu-lhe numa chama (que saía) do meio a uma sarça. Moisés olhava: a sarça ardia, mas não se consumia. Vou me aproximar, disse ele consigo, para contemplar esse extraordinário espetáculo, e saber porque a sarça não se consome.?  Vendo o Senhor que ele se aproximou para ver, chamou-o do meio da sarça: Moisés, Moisés! Eis-me aqui! respondeu ele.  E Deus: Não te aproximes daqui. Tira as sandálias dos teus pés, porque o lugar em que te encontras é uma terra santa.  Eu sou, ajuntou ele, o Deus de teu pai, o Deus de Abraão, o Deus de Isaac e o Deus de Jacó. Moisés escondeu o rosto, e não ousava olhar para Deus. 

Amados, refleti essa passagem linda pensando no chamado de Deus para nós, quando Deus nos chama, como fez com Moisés, Ele nos chama pelo nome. Essa é a primeira verdade que percebi aqui neste capítulo: Deus nos chama pelo nome. Quando Deus nos chamou das trevas para a luz, da morte para a vida, Ele chamou cada um pelo próprio nome. Não foi um chamado geral, não! Ele chamou cada um individualmente. Mas por que Deus nos chamou? Por qual motivo Ele nos chamou do pecado para a justiça? Vamos ao versículo 5:

“E disse: Não te aproximes daqui. Tira as sandálias dos teus pés, porque o lugar em que te encontras é uma Terra Santa. 

Quando Deus fala com Moisés aqui, é um momento santo, pois Sua presença está naquele lugar. Ele, então, pede para Moisés tirar as sandálias. Isso é um símbolo de submissão, reverência e santidade. Moisés, em obediência, tira as sandálias dos pés, o que nos leva à segunda verdade: Deus nos chama para a santidade. Deus nos chama para a glória? Sim, Ele nos destinou para a vida eterna. Porém, Ele não nos chama para focarmos apenas a vida eterna e esquecermos nossas vidas aqui. Ele nos chama para a santidade, a cada dia, a cada instante. Devemos buscar a Santidade. A eleição de Deus e o Seu chamado também têm em vista a santidade de Seus eleitos. Continuando:

“Disse mais: Eu sou o Deus de teu pai, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó. Ao descobrir que estava diante do Deus todo poderoso, Moisés apavorou-se, então cobriu o rosto porque ficou com medo de olhar para Deus.

Mesmo nos aproximando de Deus, como filhos, devemos observar a devida reverência em oração e adoração, nunca se apresentando a ele com pecados não confessados.

Deus hoje nos convida a uma reflexão profunda dessa Palavra. Quais são as sandálias que preciso tirar para servir a Deus nesse Acampamento. Qual atitude tem me atrapalhado de estar na sua presença, o que está me afastando do Amor de Deus.

Deus quer tirar de nós a cegueira Espiritual, mas para isso precisamos tirar as sandálias que nos atrapalham e abrir nossos olhos da Fé.

Boa reflexão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *