Correção fraterna


É incrível como as pessoas gostam de apontar os erros dos outros, muitas vezes sem perceberem que têm esses mesmos erros na sua vida.

Criticar é mais fácil do que elogiar, mas os efeitos são muito piores. Tenta mudar os teus costumes. Procura ver as coisas boas que as pessoas fazem e começa a elogiar tudo o que for positivo.

Agindo assim, contribuirás para a boa convivência e para criar um ambiente muito alegre e descontraído.

Aproveita cada oportunidade para valorizar o próximo e para ajudá-lo a crescer.

O texto acima é breve, porém contém uma gama de grande de “puxões de orelha” para nós.
Somos realmente muito críticos para com os outros, mas as mesmas críticas devem ser direcionadas a nós em primeiro. É muito comum fazermos análise do comportamento dos outros, criticando veementemente, quando praticamos as mesmas atitudes.

Há de se conter as críticas. Analisemos primeiro o nosso comportamento, e caso o comportamento do nosso irmão seja realmente passivo de correção, façamos com muito tato e carinho.

A vida é repleta de momentos de grandes ensinamentos. A planta só cresce quando podada.

Nas situações em que falhamos como cristãos, quando corrigidos, utilizemos a mesma lição da planta: cresça mais forte e viva, quando podada pelo seu jardineiro.

Jussara Thronicke

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *